Projeto prevê verba para assistência psicossocial de profissionais de segurança

Foi aprovado pela Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado o Projeto de Lei 4456/12, do Senado, que permite a utilização de recursos do Fundo Nacional de Segurança Pública (FNSP) para custear programas de assistência psicossocial para profissionais de segurança como policiais militares, bombeiros militares, policiais civis, policiais rodoviários federais, guardas municipais e agentes de trânsito.

O projeto, que também beneficia dependentes e cônjuges dos profissionais, será analisado pelas comissões de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

No texto original, apenas policiais e bombeiros militares e seus dependentes seriam contemplados, mas foram incluídas outras categorias no substitutivo do relator na comissão, deputado Capitão Augusto.

Fonte: Agência Câmara de Notícias

Artigos relacionados