NOTA DE REPÚDIO – Enquete do programa da Fátima Bernardes

nota-de-repudio_Mais uma vez a Rede Globo presta um desserviço à sociedade expondo uma enquete desnecessária que atingiu diretamente a classe Policial Militar.

No dia 17/11/2016, no programa Encontro da apresentadora Fátima Bernardes, foi lançada a enquete “Quem salvar primeiro? Traficante em estado grave ou policial levemente ferido?” que causou indignação dos policiais e simpatizantes da classe que lotaram as redes sociais com manifestações contra esta infeliz pergunta.

Por conta da grande repercussão, a apresentadora se pronunciou no programa do dia 22/11, explicando que a questão era sobre ética médica, e que inclusive é um dos temas do filme Sob Pressão que foi lançado recentemente.

Mas será que a produção do programa teria que necessariamente levantar esse questionamento ilustrando-o com as figuras de um policial e de um traficante? A Associação dos Cabos e Soldados acredita que bastaria somente lançar a enquete de quem deveria ser salvo pela gravidade do ferimento, já que a ética médica releva somente a condição do paciente. Foi desnecessária a ilustração.

Não foi por acaso o descontentamento da tropa com o fato. Pela abordagem feita, entende-se nitidamente que o programa tomou posicionamento pelo traficante, defendendo-o, fazendo com que muitos passem a enxergar que a Polícia não tem credibilidade e nem valor para a sociedade.

Mais um fato deplorável de nossa mídia parcial!

Artigos relacionados