Cresce o número de PMs mortos em São Paulo

lutoA família Policial Militar está alarmada com o crescimento do número de agentes assassinados em 2016.

No ano passado, 64 policiais militares foram mortos. Só este ano, até o início de abril, 27 PMs foram assassinados.

Infelizmente, esta trágica constatação só confirma a vulnerabilidade dos nossos policiais militares.

A diretoria da Associação dos Cabos e Soldados (ACS), muito preocupada com a segurança da família Policial Militar e indignada com os assassinatos constantes de PMs, divulgou, em março deste ano, Moção de Repúdio pela morte dos policiais militares, solicitando às autoridades uma medida para evitar mais mortes destes profissionais.

O presidente da ACS, Cabo Wilson Morais, como representante de cerca de 80 mil policiais militares, foi procurado pelo jornal O Estado de S. Paulo para falar sobre o assunto.  A matéria também foi publicada na edição impressa do dia 17 de abril.

Leia “Moção de Repúdio” pelas mortes dos policiais militares do Estado de São Paulo divulgada pela ACS.

 

Lei também na mídia
Explode no Estado de SP número de PMs mortos

‘Tinha medo, mas ele amava o que fazia’, diz mulher de PM morto

Morte de PMs cresce em SP e põe novos policiais em alerta

Artigos relacionados