Nota – Precisamos de união

Atenção, caros policiais!

Senhores, fiquem atentos, nós não estamos percebendo, mas o governo vem nos aniquilando aos poucos.

Primeiro ele vem pregando a divisão entre a classe, tentando separar os ativos dos veteranos e pensionistas, quando se posicionou contra a paridade salarial.

Depois, após ser vaiado em Taubaté, agrediu a todos nós, chamando os aposentados de “vagabundos”.

Em seguida, anuncia um mísero reajuste de 5%, dizendo que aqueles que trabalham, terão melhorias nas diárias alimentação e no bônus, deixando claro que os veteranos nada devem esperar desse governo.

E agora senhores na calada da noite, acaba de fincar uma faca nas costas de cada um de nós. Ontem, dia 05/10/19, na ALESP, foi aprovada a PL 899/2019, a Lei do Calote.

O que significa essa Lei? Significa que antes, o governo ao perder uma Ação Judicial, pelo fato de ficar comprovado a lesão ao funcionário público, deveria pagar através de OPV (obrigação de pequeno valor), o que levava em média 1 ano, valores até o limite de 30 mil reais. Hoje, com a aprovação dessa Lei, esse limite cai para 11 mil reais, ou seja, se você tem um crédito acima desse valor, ou vai pra fila dos precatórios comuns (que estão pagando ainda os precatórios de 2002) ou abre mão do excedente e perde aquilo que lhe é de direito.

Portanto senhores policiais militares, se não começarmos a nos unir e fortalecermos as nossas associações e entidades de classe, estaremos fadados a perdas de tamanhos imensuráveis.

Artigos relacionados