ACS reivindica perdas do ALE aos PMs

Na última terça-feira, 09/04/2013, o Presidente Cabo Wilson Morais juntamente com os seus Diretores Edmilson Aparecido da Silva, Ronaldo Carlos Scheibel e Jefferson Cintra Barra, estiveram na Assembléia Legislativa de São Paulo. Além de se reunirem com os parlamentares, Cabo Wilson manteve audiência com o líder do Governo, deputado Barros Munhoz; deputado Zico Prado, do PT; Leci Brandão, do PC do B; Campos Machado, do PTB; entre outros parlamentares.

A preocupação do Cabo Wilson dizia respeito à incorporação do ALE (Auxilio Local de Exercício), sendo 50% no padrão e 50% no RETP, onde mais de 15 mil Policiais Militares seriam prejudicados com o projeto do Governo do Estado, devido algumas perdas em seus soldos. A intenção, segundo Cabo Wilson, é que haja reparação para os Policiais Militares que terão prejuízo. Em alguns casos, haverá perda de até R$ 150,00.

A Associação dos Cabos e Soldados vem reivindicando ao Líder do Governo, deputado Barros Munhoz, e aos demais líderes partidários que levem ao Governo do Estado a proposta. O Governo mandará outro projeto para a Assembléia Legislativa incluindo os Policiais Militares com perdas em seus soldos.   A incorporação do ALE visa a beneficiar os Policiais Militares da ativa, os inativos e as 32 mil Pensionistas. A Associação dos Cabos e Soldados sabe que este projeto não se trata de aumento, mas de equiparação de salários justos entre a categorias.

[box type=”info” fontsize=”10″ head=”Fotos” headbg=”#43a1e1″ headcolor=”#FFFFFF”]


[/box]

Artigos relacionados