Secretário de Segurança recebe proposta de reajuste da PM

A diretoria da Associação dos Cabos e Soldados da Polícia Militar do Estado de São Paulo (ACSPMESP) participou da entrega da proposta de reajuste salarial da categoria Policial Militar dos anos 2015/2016 ao Secretário de Segurança Pública, dr. Alexandre de Moraes. A entrega ocorreu em reunião realizada pela Coordenadoria das Entidades Representativas da Polícia Militar do Estado de São Paulo (CERPM) no dia 19 de maio de 2015, na sede da AFAM, em Santana, na capital.

A proposta foi entregue ao Secretário pelo presidente da CERPM, Angelo Criscuolo, e o Comandante Geral da PM, Coronel PM Ricardo Gambaroni, após apresentação de dados técnicos como índice de inflação, últimos reajustes concedidos à PM, análise de limites do orçamento do Estado e Lei de Responsabilidade Fiscal como base para o pedido do percentual apresentado.

Em clima amistoso e bem humorado, Moraes respondeu as perguntas dos representantes de entidades da PM presentes, mas deixou claro seu comprometimento com a valorização do policial militar, citando a Corporação como “a melhor Polícia Militar do Brasil.”

Sobre o percentual pleiteado pela CERPM, o Secretário afirmou que será analisado, mas não fez promessas, explicando que os Estados também são afetados com a crise do país. “O Fundo de Segurança Nacional passa longe de São Paulo, infelizmente”, afirmou, mas prometeu “total empenho nas negociações, em tudo o que for para valorizar a Polícia Militar, não só em questões de salário como outros benefícios”.

Moraes também garantiu que durante as próximas semanas a proposta será analisada e que tem a absoluta certeza de que irão chegar a um denominador comum.

Com a palavra, Cabo Wilson Morais, presidente da ACSPMESP, cobrou do secretário a visita às entidades (prometida no início do ano) e maior apoio nas questões referentes à categoria, defendendo “principalmente benefícios aos soldados, que ficam na linha de frente e que mais morrem em decorrência da profissão.” Como Vice-presidente da CERPM, também fez um pedido ao secretário: “Em nome das entidades, gostaríamos de uma maior aproximação com o governador, para que ele ouvisse de nós, representantes, as reais necessidades para melhoria das condições de trabalho dos policiais… Ajude a nossa Polícia que está morrendo, que está lutando pela nossa segurança nas ruas e colocando em risco a vida de nossos companheiros.”

Em resposta, Moraes afirmou não haver nenhum problema com a aproximação com o Governo. “Tenham a absoluta certeza do respeito, afeição e admiração do governador pela PM… a aproximação já existe e já é boa, mas se for possível melhorar ainda mais, vou investir nisso.”

A reunião, que marcou o início das negociações com o Governo, também foi uma oportunidade para as entidades apresentarem outros assuntos de interesse da categoria ao Secretário, que ouviu com atenção as solicitações de melhores salários, direitos humanos aos policiais, valorização das carreiras, apoio à PEC 300, mais sustentação e segurança ao PM entre outros.

A mesa solene foi composta pelo Secretário de Segurança Pública, Alexandre de Moraes; Comandante Geral da Polícia Militar, Cel PM Ricardo Gambaroni; Deputado Estadual Cel Camilo; Presidente da CERPM, Sgt. Angelo Criscuolo e o Presidente da AFAM, Cel Roberto Allegretti.

DSC_0079
Secretário de Segurança Pública, Alexandre de Moraes, recebe proposta de reajuste salarial da PM das mãos do presidente da CERPM, Angelo Criscuolo, na presença do Comandante Geral, Cel Ricardo Gambaroni
DSC_0072
Mesa solene
DSC_0127
Cabo Wilson com a palavra

DSC_0117DSC_0057 DSC_0067 DSC_0037 DSC_0107 DSC_0150DSC_0104 DSC_0155

Artigos relacionados