Repúdio pela morte dos PMs Eliseu Aparecido Silva Parreira e Paulo Roberto de Oliveira

Com enorme pesar, a Associação dos Cabos e Soldados da PMESP lamenta o falecimento dos policiais militares veteranos Eliseu Aparecido Silva Parreira e Paulo Roberto de Oliveira, na madrugada do último dia 28, em Cajamar.

Infelizmente, devido às baixas condições salariais de toda a categoria no Estado de São Paulo, mesmo aposentados os PMs complementavam a renda trabalhando na escolta de um caminhão de carga, na Rodovia Anhanguera, quando criminosos e assassinos tentaram roubar o veículo e tiraram a vida de dois trabalhadores.

A ACS se entristece com a perda de mais dois irmãos de farda e, mais uma vez, cobra as autoridades públicas para que haja a atenção que a categoria merece. Dois homens honestos, que dedicaram uma vida toda à Polícia Militar mereciam desfrutar de sua aposentadoria, não ter que trabalhar por conta de um salário irrisório aos profissionais da categoria, que mal sustenta a família.

Por conta de anos de negligência e defasagem salarial do Estado com nossos PMs é que, infelizmente, situações como essas acontecem. Até quando trabalhadores que já se sacrificam tanto terão que passar por situações perigosas como essas, simplesmente por serem mau pagos?

Aos familiares e amigos dos policiais que se foram, prestamos nossas sinceras condolências e oramos para que o conforto divino seja trazido neste momento tão difícil.

Foto: reprodução Facebook Fermesp

Artigos relacionados