Entidades retomam a campanha salarial 2016

DSC_0051

A reunião com o comandante geral da PM, Cel Ricardo Gambaroni, e as entidades representativas da classe Policial Militar integrantes da CERPM – Coordenadoria das Entidades Representativas dos Policiais Militares do Estado de São Paulo – foi realizada na tarde do dia 7 de julho, na sede do Comando Geral, e tratou de diversos assuntos pertinentes a categoria, principalmente a questão salarial.

Antes de começar a reunião, Cel Gambaroni pediu um minuto de silêncio em respeito aos policiais militares mortos este ano, em especial ao Cb Wilker, de Ribeirão Preto, morto no dia 5 de julho em serviço, e ao ex-presidente da Associação dos Subtenentes e Sargentos (ASSPM) e da CERPM, Angelo Criscuolo, falecido em maio.

Durante a reunião, as entidades e o Comando levantaram questões de como proceder para a retomada da campanha salarial da categoria, chegando ao consenso de que devem expor ao novo secretário da Segurança Pública, Mágino Alves, todos os estudos e estatísticas apresentadas ao ex-secretário da pasta, na época Alexandre de Moraes, deixando claras as informações e promessas feitas na última reunião.

“Devemos apresentar os estudos que já foram feitos e provar ao secretário que a classe está precisando de reajuste, para que o policial militar consiga fechar suas contas no final do mês e cumprir seu trabalho sem preocupações. Temos que proteger o Policial Militar! (…) Vocês, entidades, são as nossas principais vozes e devem trabalhar sempre para exigir algo em benefício de todos, sem restrição entre ativos, os da reserva e pensionistas. Devem incluir todos, sem distinção.” afirmou o comandante-geral.

Na oportunidade, o presidente da CERPM, Cabo Wilson Morais, solicitou o apoio do Comando Geral à campanha salarial da categoria deste ano, intercedendo junto à Secretaria de Segurança Pública (SSP) e o Governo Estadual para consolidar um reajuste. De imediato, muito descontraído, Cel Gambaroni afirmou que “não vai ter apoio porque nós estamos juntos, no mesmo barco, atrás de um objetivo comum. Estamos juntos!”

Cabo Wilson também aposta na união das entidades junto ao Comando Geral e à Secretaria da Segurança Pública em todas as situações e pediu o retorno das reuniões periódicas com o Comando. “O retorno das reuniões com as entidades é muito importante para tratar de todos os assuntos da categoria e estreitar o relacionamento com os policiais militares e o Comando. (…) Se a gente agregar as nossas forças, sempre com orientação do Comando e da Secretaria, acredito que haverá sempre melhorias para a categoria em todos os assuntos, não só a questão salarial.”

O presidente da CERPM, também presidente da Associação dos Cabos e Soldados (ACS), divulgou a todos que já está agendada reunião com o secretário da Segurança Pública no dia 19 de julho, às 10h, na sede da Secretaria.

Outros assuntos
Diversos assuntos de interesse da categoria foram debatidos durante o encontro.

Segundo Cel Gambaroni, o Termo Circunstanciado deve voltar aos debates para melhorar o trabalho da PM e dar poder ao policial militar, que deixará de ser um mero encaminhador de ocorrências. Ainda aponta que este é um assunto muito importante para o fortalecimento da Segurança Pública.

Também foram discutidos os seguintes temas: a verba carimbada, a criação de Ministério da Segurança Pública, Dejem – Diária Especial por Jornada Extraordinária de Trabalho Policial Militar, atuação de representantes da Corporação nas questões de interesse dos PMs em Brasília, Resolução 57 e previdência.

O Comandante-Geral destacou a importância dos assuntos e lembrou que, além do Comando e da Secretaria, devemos também pedir apoio aos parlamentares que representam a nossa categoria e o nosso Estado na criação e aprovação de propostas que beneficiem a todos os policiais militares.

Presenças
Participou também da reunião o subcomandante da PM, cel Francisco Aires Mesquita.

Esteve presente diretores da ACS: o vice-presidente Antonio Carlos do Amaral Duca; o diretor de Assistência Social, Jefferson Cintra Barra; o diretor de Comunicação Social, Ronaldo Carlos Scheibel e o secretário do Conselho Fiscal, Valter Luiz Dreger.

Estiveram presentes representantes das seguintes entidades: ACSPMESP, ASSPM, AOPM, AOMESP, APMDFESP, ADEPOM, AFAM, ASPOMIL, APEMESP, ASMPMESP, AIPOMESP e Pauliserv.

A CAMPEC, UPPMESP e AAMútua não compareceram.

DSC_0015
Subcomandante Cel Mesquita, Comandante geral Cel Gambaroni e presidente da CERPM e ACS Cabo Wilson

DSC_0013

DSC_0028

DSC_0056
Diretoria ACS com Cel Mesquita e Cel Gambaroni

Artigos relacionados