CAMPANHA – Doe medula óssea e salve o Matheus e milhares de pessoas

Matheus com sua mãe Margarete

MATHEUS GALARRETA ARAÚJO, de 17 anos, filho do policial militar, associado da ACS, JORGE DO CARMO ARAÚJO, necessita de um transplante de medula óssea, mas para isso precisa de um doador compatível.

Se você quer ser um voluntário para tentar ajudar o Matheus e outras milhares de pessoas que aguardam um doador, vá até um hemocentro mais próximo para se cadastrar e esclarecer dúvidas sobre o procedimento.

Segundo informações do Registro Nacional de Doadores Voluntários de Medula Óssea (REDOME), para doar é preciso ter entre 18 e 55 anos e gozar de boa saúde. Será feita a coleta de uma amostra de sangue (10ml) para a tipagem de HLA (exame de histocompatibilidade que identifica as características genéticas de cada indivíduo), os dados do doador são inseridos no cadastro do REDOME e, sempre que surgir um novo paciente, a compatibilidade será verificada. Uma vez confirmada, o doador será consultado para decidir quanto à doação. O transplante de medula óssea é um procedimento seguro, realizado em ambiente cirúrgico, feito sob anestesia geral, e requer internação de, no mínimo, 24 horas.

O transplante de medula óssea é a única esperança de cura para milhares de pessoas! Seja solidário! Doe medula óssea!

Pratique a solidariedade e salve vidas!

Artigos relacionados