Cabo Wilson e diretores da ACS são homenageados na Corregedoria da PM

No dia 25 de outubro o presidente da Associação dos Cabos e Soldados (ACS), Cabo Wilson Morais, e alguns diretores da entidade estiveram presentes na Solenidade de Entrega da Moeda Desafio “Challenge Coin” do Departamento de PM Vítima da Corregedoria da Polícia Militar para receberem uma homenagem do órgão em gratidão às colaborações ao Departamento na prestação de apoio aos policiais militares e familiares que foram vítimas durante o exercício de suas atividades à população paulista.

Além do presidente Cabo Wilson, os diretores da ACS homenageados foram o vice-presidente Antonio Carlos do Amaral Duca, Edmilson Aparecido da Silva (diretor de Finanças), Gilson Braga (presidente do Conselho Fiscal) e Paulo Roberto dos Santos Ferreira (secretário do Conselho Fiscal). O Secretário da Segurança Pública, Doutor Mágino Alves Barbosa Filho; o Comandante Geral da Polícia Militar do Estado de São Paulo, Cel PM Marcelo Vieira Salles e várias outras autoridades também receberam a homenagem na solenidade.

Esta é a primeira vez que o Departamento PM Vítima da Corregedoria da Polícia Militar de São Paulo realiza a entrega da Challenge Coin, sendo este um reconhecimento inédito na corporação. Todos os homenageados receberam uma moeda customizada, que reflete o nome da homenagem.

A cerimônia teve como orador o Cel Marcelino Fernandes (Corregedor da Polícia Militar do Estado de São Paulo), Doutor Mágino Alves e Cel Vieira Salles. Todos eles elogiaram a ACS pelo brilhante trabalho realizado em prol dos policiais militares e familiares e parabenizaram os diretores homenageados.

Da esquerda para a direita: Paulo Ferreira, Gilson Braga, Cel PM Flávio Cesar Montebello Fabri, Da Silva, Cel Marcelino, Cabo Wilson, Duca e Major PM Deivison Daniel Gonçalves.

 

Sobre a Challenge Coin

Moeda entregue aos homenageados pela Corregedoria da PM

A Challenge Coin possui várias histórias a respeito de sua origem. Algumas, que remontam a época das legiões romanas. Quando legionários se destacavam, além de seu soldo, recebiam uma moeda de cunhagem especial. Normalmente essa moeda diferenciada era guardada como lembrança pelo seu detentor. Outra história remonta a primeira guerra mundial, quando um militar francês foi capturado e destituído de todos os seus objetos pelos soldados alemães. Todos, exceto uma moeda com a insígnia de sua unidade gravada. Ao empreender fuga e retornar para suas linhas, somente conseguiu provar a sua condição de militar francês graças ao reconhecimento da insígnia de sua moeda por outro militar.

Detentora de rituais de entrega, de “desafio” ou mesmo outras versões sobre sua origem, de qualquer forma, a tradição demonstra que, aquele que recebe uma Challenge Coin é uma pessoa que muito colaborou com uma equipe ou unidade, possuindo o apreço e gratidão de seus integrantes.

Artigos relacionados